Começamos entendendo o que é cirurgia dermatológica e porque você que é dermatologista deveria parar para estudá-la mesmo se não quiser fazer grandes cirurgias.

Todo médico, seja ele dermatologista ou generalista, é colocado em meio a situações no dia a dia que precisa RESOLVER de forma prática.

Um abcesso na pele, um cisto que infecta, uma unha que encrava, uma pinta que sangra…

A cirurgia dermatológica é a área da dermatologia que treina você médico, exatamente para essas situações.

E não adianta você me dizer que já sabe fazer porque já viu alguém fazendo ou porque ouviu o seu professor falar algumas vezes!

São os pequenos gestos. As pequenas práticas que fazem a diferença. Truques do dia a dia que fazem seu atendimento ser altamente resolutivo e por consequência, deixar seu paciente feliz e satisfeito.

Não caia na “síndrome de gabriela” de continuar fazendo tudo igual como sempre foi e sempre te disseram. Existem diversos caminhos dentro da dermatologia, e o que importa de verdade é CUIDAR do outro.

Dominar as técnicas dos procedimentos do dia a dia de consultório é o que eu ensino no meu Curso Destrave a Cirurgia Dermatológica, se você quiser saber como fazer parte, entre para a lista de espera aqui: https://www.carolinebrandao.com.br/lista-deespera/

E mesmo se tiver inseguranças e medos, vai com medo mesmo! No começo é assim, mas não existe sucesso fácil e nem fracasso definitivo. Assim como na vida, o tempo passa, o que é bom pode ficar melhor, mas um dia vai acabar. E o que tá ruim, pode ficar pior… mas eventualmente, um dia também vai terminar.

Tendo essa certeza, fica muito mais fácil de encarar os desafios da vida.

Investiu em um projeto ou uma relação que não deu certo? Vai passar.

Recomeçou e agora tá dando certo? vai terminar também, algum dia. Por isso: cuide muito bem! Se você está começando, vem pra nossa turma de #destravados e aproveite essa jornada!

Aqui eu te mostro como A cirurgia dermatológica pode ser muito mais leve, divertida, carinhosa e com muito valor para você e seus pacientes à longo prazo.

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.